5 alimentos ricos em proteína vegetal que você já come!

Provavelmente, a pergunta mais escutada quando paramos de comer produtos de origem animal é: “Mas… e as proteínas?”. Isso acontece porque poucas pessoas sabem a quantidade de proteína vegetal e quais são as maiores fontes.

A boa notícia é que, além de serem baratos, pode ser que você já tenha vários na sua casa agora mesmo! Confira algumas opções a seguir.

FEIJÃO

feijão

Foto: Reprodução

Paixão dos brasileiros, o feijão pode ir junto do arroz, na sopa e até por cima do macarrão (não julgue até experimentar!).

Cada 100 gramas de feijão cozido tem cerca de 5 gramas de proteína.

CASTANHA-DE-CAJU SALGADA

castanha de caju

Foto: Reprodução

A castanha-de-caju é uma ótima opção para petiscar durante a tarde ou para acrescentar como um complemento de sabor para as suas refeições. Mas sem exagerar, afinal, a castanha também é fonte de gordura.

Cada 100 gramas tem 18,5 gramas de proteína.

GERGELIM

gergelim

Foto: Reprodução

Essa você já comia e nem sabia, né? A semente do gergelim é tudo de bom! Combina com pão, pizza, pastinhas, macarrão, almôndega vegetal… dá até para fazer leite a partir da semente do gergelim!

Cada 100 gramas de semente de gergelim tem cerca de 21 gramas de proteína.

LENTILHA

lentilha

Foto: Reprodução

Se você não tem esse produto no armário, pode colocá-lo na sua lista de compras. Não é à toa que ela é parte fundamental do prato árabe típico: arroz com lentilha! Você pode também pode usar essa leguminosa para fazer hambúrgueres e almôndegas deliciosas, com vários temperos diferentes para incrementar o sabor.

Cada 100 gramas de lentilha cozida tem cerca de 6 gramas de proteína.

AMENDOIM

amendoim

Foto: Reprodução

Além do lanchinho prático, o amendoim pode ter muitas outras utilidades na sua alimentação. Ele pode ser acrescentado em saladas ou em tortas salgadas, bem triturado. O leite feito de amendoim também é uma das versões mais baratas do leite vegetal.

Cada 100 gramas tem cerca de 27 gramas de proteína.

Também é importante saber a quantidade de proteína que você precisa por dia: de 1 a 2 g de proteína por quilograma. Esse número pode variar de acordo com sua fase da vida, saúde, atividade física e outros fatores. Para saber exatamente sua necessidade nutricional, consulte um nutricionista ou um nutrólogo. Muitos profissionais são especializados ou têm amplo conhecimento sobre dietas vegetarianas.

Deu para perceber que os produtos de origem animal não são essenciais para a obtenção de proteínas? A sua redução não é só benéfica para a sua saúde, mas também para a vida de muitos animais que terão suas vidas poupadas. Quem opta por ingerir suas proteínas em produtos de origem vegetal salva até 29 animais por ano! 😉

 

Aproveite que o assunto é comida e se inspire com o nosso Guia Vegetariano GRATUITO. Você encontrará um novo mundo de opções para se arriscar na cozinha e surpreender a todos.